Gossip Girl e Sororidade | Marci Marciano | Consultora de Moda

Gossip Girl e sororidade

Não me levem a mal, amo Gossip Girl, adoro a história, mas não tem nada de feminismo.

Passa pelo teste de Bechdel, passa! Tem mais de 2 mulheres e elas fala sobre coisas além dos homens da série, mas tá longe de pregar sororidade.

Assisti a série sendo mais velha, não fui influenciada pelos livros e nem pela história, mas voltei as assistir graças ao Netflix e mostra uma realidade que vivi, e infelizmente continuo vivendo com outras mulheres que é a tal da competição, mesmo você estando na sua, de boas, ainda tem mulher que quer competir e faz armações, esquema, fala pelas costas e acho tudo isso tão triste.

Na serie temos Serena e Blair, meus ícones de moda, mas assim, elas não são amigas! São, mas eu jamais gostaria de ter uma amizade destas com competição, trapaças, mentiras e “furação de olho”. Estou revendo a  primeira temporada, lembro que depois dá uma melhorada, mas ainda continua a rivalidade entre as duas. Não acho uma mais bonita que a outra, ambas são lindas, mas sempre fica aquela coisa de que a Serena é uma bombshell que todos os homens desejam e a Blair é a princesa casta que poucos tem interesse, isso muda, com o namoro com o Chuck Bass, ainda bem, mas ainda, é meio cansativa a forma que é colocada esta rivalidade entre as duas.

Falando de Chuck, ele muda muito, o papel ganha muito com o relacionamento com a Blair, mas antes disso era um machista, que tratava mulheres como objeto, e o Dan? Um tonto cheio de rancor por gente que tem uma vida financeiramente melhor que a dele, todos estes comportamentos melhoram, mas mesmo o assim, a série tem uma carga pesada de relacionamentos disfuncionais.

Adoro a série, como disse, don’t get me wrong, mas pelo amor, não podemos culpar a época na qual foi produzida porque Gilmore Girls é anterior e é super feminista, mas entendo que teve adaptação do texto que a ideia é retratar os adolescentes do Upper East Side, mas sei lá, penso que poderia ter mais amor ao menos entre o grupo de amigos, ou enfim, a série é acida mesmo, e talvez eu que estou melindrando.

Só sei que adoro os atores, amo os figurinos e faz parte da minha vida, mas não poderia deixar de falar, porque estava me incomodando!

That’s all!

XOXO, Marci Gir

0 comments
0 likes
« Consultoria on line, como funciona?Jeans democrático da Guess »

Related posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marci Marciano

"Vejo a moda como a principal ferramenta para expressar aquilo que somos e elevar a auto estima."

Últimos Posts
Facebook
Mais Lidos
Arquivo